Araçatuba,
Texto Menor
Texto Maior
Contraste
Portal da
Transparência
Acesso à
Informação
e-SIC
Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão
Notícias
15/05/2019
Audiência pública na Câmara vai debater serviços de água e esgoto

A Comissão Permanente de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano e Rural da Câmara de Araçatuba vai realizar, na próxima quarta-feira (22/5), a partir das 19h, audiência pública para discutir problemas e reclamações envolvendo os serviços de água e esgoto na cidade. Representantes da Samar (Soluções Ambientais de Araçatuba) devem trazer esclarecimentos sobre vários temas.

No encontro, que é aberto ao público, serão abordados 11 temas, entre os quais: água suja nas torneiras; falta de pressão nas torneiras em alguns pontos da cidade; planos e alternativas para atendimento à população em casos de falta de água na cidade; possibilidade de cobrança pela passagem de ar nos hidrômetros; processo de tratamento de água captada do rio Tietê; periodicidade de manutenção dos equipamentos de captação de água; soluções para evitar o mau cheiro vindo da rede de esgoto em alguns pontos da cidade.

O prazo previsto pela concessionária para a troca de equipamentos, os investimentos feitos ou planejados pela empresa concessionária na rede de distribuição de água e os motivos para o vazamento do esgoto em áreas da cidade também serão assuntos da audiência pública.

A audiência ocorre após transtornos sofridos pela população da zona sul da cidade, no período de 8 a 11 de março deste ano, quando uma bomba do poço profundo do Jardim Jussara apresentou problemas e demorou para ser substituída. A Câmara também recebeu muitas reclamações e foram propostos requerimentos e indicações sugerindo melhorias nos serviços.

A comissão de Infraestrutura é formada pelos vereadores Rivael Papinha (PSB), Dr. Flávio Salatino (MDB) e Denilson Pichitelli (PSL).

RELATÓRIO

No encontro, o público poderá participar com perguntas ou deixar sugestões para a comissão. Após a audiência, a comissão de Infraestrutura pretende elaborar um relatório a ser encaminhado para as autoridades e outros responsáveis pelos serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário. “É importante que a população compareça e participe da audiência”, disse Rivael Papinha, presidente da Comissão de Infraestrutura do Legislativo.

A audiência pública será transmitida ao vivo pela TV Câmara, no Canal 6 do Sistema Net Digital, e pelo Canal do Youtube e Facebook, disponíveis neste site.

 

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação: Carlos Demarchi/ Foto: Angelo Cardoso
Compartilhe:
<< Página Anterior